Publicado em Deixe um comentário

Sexo Anal. Se você gosta ou tem curiosidade sobre o assunto não perca estas 10 dicas.

10 dicas sobre sexo anal.

O sexo anal vem deixando de ser um tabu e despertando cada vez mais a curiosidade das mulheres. Que bom! Ninguém é obrigado a gostar ou querer fazer sexo anal, mas é triste uma mulher ter vontade de experimentar essa nova forma de prazer e não se permitir por medo, vergonha ou mesmo por preconceito. O ânus é uma zona erógena do corpo e tem terminações nervosas suficientes para lhe proporcionar muito prazer, por isso se for de sua vontade, aproveite!

A VONTADE TEM QUE SER SUA: só faça se você tiver vontade de fazer e nunca por pressão do seu parceiro. Para ser uma experiência boa, é fundamental que você esteja relaxada e dificilmente isso acontecerá se você estiver fazendo a contra gosto.

DIÁLOGO: super legal se os dois querem experimentar essa nova forma de prazer, mas para a experiência ser boa não basta os dois quererem, é importante que vocês conversem sobre o assunto, só assim um poderá saber os limites do outro e vocês estarão à vontade para expressar seus medos e expectativas. Vocês dois precisam se sentir seguros para dizer “continua” ou “pare” sem nenhuma hesitação.

BUSCAR INFORMAÇÃO: quanto mais você souber sobre o assunto, mais confiante e tranquila você ficará. Entenda seu corpo e saiba do que você gosta, pesquise e esclareça todas as suas dúvidas.

ACESSÓRIOS: no mercado existem diversas opções para a prática do sexo anal, mas duas que achamos fundamentais são: os dessensibilizantes e o plugs. O dessensibilizante é um cosmético com a função de dessensibilizar a região anal na medida certa, ele remove o desconforto sem alterar o prazer. Existem dessensibilizantes com diferentes graus de intensidade e como cada pessoa tem um nível de sensibilidade diferente da outra, talvez você precise testar mais de um até achar o que é perfeito para você. Já os plugs são toys específicos para região anal, têm formato anatômico, são seguros e encontrados em vários tamanhos, assim você pode começar com algo menor que a glande de um pênis e ir explorando do que gosta, como gosta e se gosta.

HIGIENE: é normal ficar com medo que aconteça algum acidente fecal no processo, mas se você for no banheiro e esvaziar o intestino até umas 5 horas antes do ato dificilmente acontecerá um acidente. Mas se acontecer é super normal, uma boa prática é sempre ter um lencinho umedecido por perto. Lavar com água e sabão antes e depois da relação já é suficiente para uma higiene adequada. Uma opção caso você não consiga esvaziar o intestino é fazer a “chuca”, que é a expressão utilizada para se referir à introdução de água no interior do ânus para retirar os resíduos e estimular a evacuação. Existem kits específicos para isso no mercado.

PRESERVATIVO: Não importa se é com a pessoa que você conheceu nesse fim de semana ou se é seu companheiro de anos, o uso de preservativo no sexo anal é fundamental. Além de evitar DSTS, o preservativo vai evitar que as bactérias presentes no canal anal entrem em contato com a uretra e causem infecções. Pelo mesmo motivo sempre que forem alternar entre o sexo anal e o sexo vaginal é necessário trocar o preservativo.

PRELIMINARES: Para as coisas fluírem melhor você precisa estar relaxada e empolgada, sua libido é fundamental nessa hora e aí as preliminares ganham ainda mais destaque. Invistam em preliminares de tirar o fôlego e façam que cada célula do seu corpo queira mais.

LUBRIFICANTE: Como sabemos o ânus não tem nenhuma lubrificação natural, então invista em lubrificantes. É importante usar um lubrificante à base de água para não danificar o preservativo e a quantidade nunca é demais, use e abuse. O lubrificante permitirá que o pênis deslize mais facilmente proporcionando uma experiência muito mais prazerosa.

POSIÇÃO: A escolha da posição é muito importante para quem está começando, o ideal é que a mulher esteja em uma posição mais relaxada em que não tenha que fazer muita força e que consiga ter um maior controle sobre a velocidade e intensidade da penetração. Se a mulher ficar sentada sobre o parceiro ela acaba tendo que fazer mais força e consequentemente a musculatura do ânus fica mais contraída, dificultando a penetração. Se a mulher ficar na posição de quatro apoios (“cachorrinho”), o homem consegue penetrar uma parcela maior do pênis o que pode não ser o ideal no começo, causando desconforto e dor. O urologista e terapeuta sexual Celso Marzano, autor do livro “O Prazer Secreto”, recomenda para iniciantes a posição “de conchinha”, isso porque a quantidade do pênis penetrada é menor, a mulher fica em uma posição mais relaxada e é possível estimular o clitóris durante a penetração. Mas a melhor posição para você só testando algumas mesmo para saber.

ESTIMULAÇÃO CLITORIANA: Algumas mulheres têm orgasmos apenas com a penetração anal, mas em geral a maioria precisa do estímulo no clitóris durante a penetração para alcançar o orgasmo.

Esperamos que essas dicas possam lhe ajudar de alguma forma a ter uma experiência melhor e mais prazerosa!

Deixe uma resposta